💗 Muito CUIDADO 💗 Estes são os maiores MOTIVOS pelos quais muitas VENDEDORAS de Brigadeiros Gourmet não ganham dinheiro, e que VOCÊ deve EVITAR.
Bolos no Pote Gourmet

Siga-Nos

Os maiores erros das vendedoras

Fazer brigadeiros gourmet para vender virou uma opção muito boa pra quem quer abrir seu próprio negócio, vendendo um produto fácil de fazer, e que dá muita lucratividade.

Inclusive, dá pra fazer desse empreendimento a fonte de sua principal renda financeira.

Ficou interessada, não é?

Porém, mesmo sendo um produto simples em muitos aspectos, existem alguns erros que podem dar um grande prejuízo.

Por isso, a regra é clara: você quer entrar nesse ramo? Então, precisa ficar atenta para não cometer essas falhas, e acabar complicando algo que poderia ser mais simples.

Mas, clama. Não se preocupe que a solução disso não é nada complicada: basta conhecer essas falhas, e evitá-las.

Por isso, mostraremos alguns dos erros mais comuns que as vendedoras de brigadeiros gourmet cometem para que você comece esse empreendimento com o pé direito, ok?

Depois dessas dicas, certamente, você se sentirá mais confiante para começar um negócio desse tipo (ou melhorar algum que já tenha).

Preparada? Então, anote aí as sugestões.

 

Erro: Ter poucas opções

Opções variadas atraem uma clientela maior

De maneira bem prática e objetiva: você consumiria de um lugar que só tivesse uma opção de produto pra vender? O mesmo vale para o seu negócio de brigadeiros gourmet.

Não que você seja obrigada a ter inúmeros sabores diferentes logo de início, mas, mesmo se estiver apenas começando, é bom ter uma boa quantidade de opções para oferecer à sua clientela.

Cerca de uns oito ou dez sabores já é o suficiente pra começar.

Porém, nunca dê somente a opção de um ou dois sabores para o público, pois, dessa forma, você irá limitar seu negócio, e quem quiser um sabor mais diferente, não irá procurar você, e sim, outra vendedora.

Dicas de diversidade

Uma das formas de oferecer opções de vários sabores de brigadeiro gourmet para os seus clientes é pesquisar quais os preferidos dos seus clientes.

Para fazer isso, basta fazer algumas pequenas enquetes antes de começar a comercializar esses produtos, o que pode ser feito na rua, com pesquisa boca a boca, ou então via internet, por meio de suas redes sociais.

Dessa forma, você saberá, de antemão, o que os seus futuros clientes querem, e oferecerá exatamente aquilo que desejam. Isso dará um lucro muito bom logo de início, ajudando o seu negócio a ganhar uma base sólida de clientes.

Oferecer escolhas diversificadas garante um bom desempenho financeiro e estrutural de seu empreendimento, já que a tendência de um público maior quanto mais opções você tiver em seu cardápio.

Você pode aprender variadas Receitas e Sabores de Brigadeiros Gourmet mais Vendidos, para montar sua lista preferida.

 

Erro: Fotos ruins em propagandas

Importância das fotos para a sua propaganda

Como estamos falando de um doce tão popular como o brigadeiro, muita gente conhece, e antes de comprar, uma boa foto no seu perfil da rede social ou no panfleto que você distribuir na rua já pode ser meio caminho andado para a realização de uma boa venda.

Porém, quanto mais as fotos forem ruins, menos interesse as pessoas terão do seu produto.

Por que você acha que grandes cadeias de fast food têm tanto sucesso? Um dos motivos são as imagens colocadas na propaganda, que instiga o público a comprar nelas.

Se usar boas fotos, e ainda fizer algo criativo, as chances de, pelo menos, atrair mais clientes é maior do que se você for desleixada com nesse aspecto.

Sugestões de como tirar boas fotos

Para que as imagens na sua câmera ou celular fiquem profissionais o suficiente, tente organizar o ambiente e os produtos para que saiam bonitos e os mais nítidos possíveis. Pra isso, aproveite a luz natural do lugar, e arrume o ambiente de maneira criativa.

Você pode até fazer montagens depois, mas, sempre usando a imagem original, e nunca uma cópia qualquer da internet, ok?

Portanto, tire fotos de qualidade dos seus brigadeiros gourmet para que sirvam de propaganda ao seu negócio, e, se possível, faça montagens chamativas para chamar mais a atenção do seu público.

Dessa forma, terá mais chances de vender seus doces.

Para fortalecer sua divulgação, veja em Como divulgar brigadeiros gourmet para vender aos montes.

 

Erro: Comprar chocolate de má qualidade

Melhores tipos de chocolate

Um dos principais ingredientes de um brigadeiro gourmet é o chocolate, seja ele em pó, em barra ou na forma de cacau em pó.

Por isso mesmo é o tipo de produto que precisa ser escolhido a dedo para que o seu brigadeiro gourmet fique realmente muito bom.

Para escolher o melhor produto possível, existem algumas dicas bem úteis que você precisa seguir. Se for usar cacau em pó, por exemplo, prefira aqueles de 50%, pois, nem são doces demais, nem amargos demais.

E, lembre-se: o brigadeiro já vai ficar bastante doce por causa do leite condenado, e não precisa ficar mais adocicado ainda por causa de um determinado tipo de chocolate.

Chocolate em barra

Contudo, se o chocolate tiver forma de barra, é preciso ficar atenta ao seu aroma e consistência. Ou seja, não pode ter um cheiro muito forte, e quando colocado na boca ele não pode demorar muito pra derreter.

Escolha entre as melhores marcas do mercado, pois, elas terão produtos mais saborosos e com a consistência necessária para fazer brigadeiros excelentes.

Inclusive, evite ao máximo usar achocolatados, pois eles já têm uma quantidade alta de açúcar, e podem deixar seus brigadeiros gourmet muito enjoativos.

Em suma, jamais utilize nenhum ingrediente à base de chocolate, ou o próprio chocolate em si, de péssima qualidade, pois, isso colocará seus produtos a perder.

Para aprender os segredos das grandes confeiteiras, basta acessar as Dicas para fazer brigadeiros perfeitos: Brigadeiros Gourmet.

 

Erro: Exagerar no uso da manteiga

Uso de manteiga com ressalvas

Muita gente se pergunta se deve usar margarina ou manteiga nas receitas de brigadeiros gourmet.

Bem, a verdade é que a manteiga é a melhor opção, visto que a margarina é bem mais gordurosa, e pode alterar muito não somente o sabor do doce, como também a estrutura.

Mas, não pense que, por causa disso, deve exagerar no uso desse ingrediente. Não mesmo. Ela deve ser usada com cuidado, seja para integrar a receita do brigadeiro, seja para enrolar o doce.

Caso contrário, ocorrerá mais ou menos a mesma coisa em relação à margarina: o gosto ficará alterado e a consistência também não ficará a mais adequada.

Quanto usar de manteiga nas receitas em geral?

A manteiga é, de fato, um ótimo ingrediente, porém, a recomendação é que o seu uso seja bem moderado (cerca de uma colher se sobremesa para cada receita).

Dessa forma, você fará com que o seu brigadeiro gourmet seja equilibrado tanto no gosto, quanto na textura, o que só vai realçar a qualidade dele.

Por sinal, a manteiga também é muito importante em dois momentos na fabricação dos brigadeiros: para untar o local onde a massa irá esfriar antes de começar a modelar os doces, e para untar as mãos na hora de fazer as bolinhas de brigadeiro.

Dessa maneira, a massa não gruda nem nas superfícies onde ela irá descansar, nem nas mãos, facilitando o trabalho, e não correndo o risco de os brigadeiros saírem mal feitos.

 

Erro: Colocar a massa pronta e quente na geladeira para esfriar

Resfriamento natural

Um dos momentos mais importantes nas receitas de brigadeiros gourmet é quando você tira a massa do fogo, e espera até que esfrie para que possa enrolar os doces.

Para dar rapidez ao processo, muita gente coloca a massa dentro da geladeira (e até no freezer) logo depois de tirá-la do fogo.

Bem, a verdade é que essa não é uma boa opção. Pelo contrário. O ideal mesmo é que você espere a massa esfriar por si, naturalmente, e fora da geladeira.

Processo correto de resfriamento

Pra que o processo seja melhor, coloque a massa em um prato untado com um pouco de manteiga, e a cubra com papel filme. Assim, ela estará protegida de qualquer impureza até que esfrie, e você possa enrolar os brigadeiros com mais tranquilidade.

Porém, se você colocar na geladeira, isso pode alterar a textura do doce, e até mesmo do gosto, pois a massa pode começar a “suar”, fazendo com que o sabor perca um pouco dos seus ingredientes originais.

Por isso, planeje-se para conseguir fazer a massa num momento, e esperar o tempo adequado para que esfrie, para só depois começar a modelar seus brigadeiros um por um.

Se quiser, você pode até mesmo deixar para enrolar os brigadeiros no dia seguinte, mas, o processo precisa ser o mesmo: deixar esfriar naturalmente, enrolar com papel filme, e (aí sim) colocar a massa na geladeira.

Com isso, você pode conseguir fazer brigadeiros com textura melhor e bem mais firmes. Só não deixe passar muito mais tempo do que 1 dia, e tente vender tudo quando terminar de confeccionar os doces, ok?

 

Erro: Armazenar para vender alguns dias depois

Quanto mais novo, mais saboroso será o brigadeiro

Pra tentar deixar tudo pronto e ter menos trabalho, muitas pessoas fazem uma fornada grande de brigadeiros gourmet, e armazenam pra venderem nos próximos dias.

Conselho? Não faça isso, mesmo que parece ser mais vantajoso.

Na realidade, o ideal é que todo e qualquer brigadeiro (especialmente o gourmet) seja consumido no mesmo dia no qual foi feito. Ou, no máximo, no dia posterior.

E isso é muito simples de explicar: ainda no mesmo dia de sua fabricação, a massa do brigadeiro está cremosa e sedosa.

Já no dia seguinte, geralmente, a massa fica um pouco mais pesada e perde mais o sabor.

Tipos de brigadeiros para tipos de clientes

Só lembrando que isso também vai do gosto pessoal de cada um. Como assim? Existem pessoas que gostam de um brigadeiro mais firme, mais durinho, ao invés de mais cremoso. Mas, aí você teria que saber exatamente quais os clientes que gostam do doce assim.

Para evitar maiores dificuldades nesse sentido, prefira tentar vender os brigadeiros gourmet no mesmo dia de feitos, e quem quiser, deixe ara comer no dia seguinte.

Assim, você não perderá nada, nem terá prejuízos, já que se o cliente quiser, simplesmente pode guardar o doce que comprou para comer no dia seguinte.

Também, se você tiver interesse em aprender tudo sobre conservação e armazenamento, basta acessar o MINICURSO GRÁTIS: Como Fazer Brigadeiro Gourmet para Vender e Lucrar.

 

Erro: Usar qualquer tipo de panela

Qual a melhor opção de panela para fazer brigadeiro?

Pra quem está começando nesse ramo de brigadeiros gourmet uma dica fundamental é não usar panelas velhas para fazer seus doces. Primeiro ponto. Isso porque elas soltam substâncias e restos de comida e sujeira em geral que podem estragar seus doces.

O mais recomendado é comprar novas. Mas, quais? Prefira as de fundo grosso e que tenham um material que ajuda a distribuir bem o aquecimento do fogo. Isso evita principalmente que a massa queime em algum ponto, e em outro fique crua.

A concentração de calor num mesmo ponto é importante para que a massa fique uniforme, possuindo a mesma textura.

E, as panelas antiaderentes?

Muitas doceiras gostam de usar panelas antiaderentes na fabricação de seus brigadeiros gourmet. De fato, é uma ótima pedida, mas, ao mesmo tempo, você terá o cuidado de usar utensílios específicos.

Um bom exemplo são as espátulas de silicone. Mas, você também pode usar utensílios de nylon, pois, o importante é que as camadas da panela sejam preservadas, sem arranhar sua superfície.

Destaque-se também que esse tipo de panela não suporta altas temperaturas e nem materiais abrasivos. Contudo, são facilmente laváveis, e o revestimento antiaderente impede que qualquer ingrediente grude na superfície.

Também são bem leves e bem simples de manusear.

Qual o material ideal delas?

Existem vários materiais de panelas por aí, desde as de barro às de ferro. Mas, para fazer deliciosos brigadeiros as ideais são as feitas de alumínio. Esse tipo de panela é bem prática e leve, além de distribuírem bem o calor.

Aquelas feitas de cobre também são boas para fazer qualquer tipo de doce, pois, elas esquentam por igual e esfriam bem rápido. Isso facilita o controle do tempo de cozimento da massa. O problema é que são panelas caras e pesadas.

O importante mesmo é que a panela tenha fundo grosso (de preferência triplo), ajudando a distribuir bem o calor e evitar que o brigadeiro queime.

Para quem puder investir um pouco mais, pode adquirir uma panela do tipo automática feita de alumínio, pois, isso ajuda a mexer a massa por igual.

 

Erro: Usar utensílios de madeira ou de alumínio

Desvantagens desse tipo de material

Há um mito de que usar utensílios de madeira é a melhor alternativa para fazer comida. Só que, mesmo sendo uma opção bem natural, ela possui a desvantagem de ficar com comida e sujeira armazenada nas frestas, por mais que você limpe.

E, quanto mais antigo for o utensílio, pior. Portanto, essa não é a melhor recomendação para fazer qualquer tipo de doce.

Já os materiais de alumínio podem ser ruins no sentido de arranharem suas panelas, por maior o cuidado que tenha. Especialmente quando estiver mexendo a massa, é inevitável fazer uma fricção a mais, o que estragar a panela, especialmente se for antiaderente.

Qual o melhor material para fazer brigadeiros gourmet?

Dentre os materiais para utensílios que temos hoje no mercado, os de silicone são as melhores opções por diversos motivos. O primeiro deles é que são muito fáceis de lavar e limpar, não correndo o risco de ter resíduos de comida em seus brigadeiros.

Além disso, não arranham panelas (principalmente as antiaderentes), conservando-as por um período maior de tempo.

Além disso, possibilita tirar até mesmo aquelas pequenas raspinhas da panela, fazendo com que você tenha um aproveitamento maior da massa, especificamente.

Outra vantagem é que não são utensílios tão mais caros que os tradicionais, e possuem uma durabilidade que vai depender exclusivamente dos seus cuidados. Se a limpeza e conservação desses materiais forem bem feitas, eles podem durar anos.

 

Erro: Não saber diferenciar tipos de brigadeiros

Importância de saber diferenciar

Basicamente podemos dizer que existem dois tipos de brigadeiros: o de colher e o de enrolar. E, como doceira, é requisito básico você saber o que é um e o que é outro, e saber quais os pontos deles.

O de colher tem uma consistência mais mole, e como o próprio nome já diz, é colocado em superfícies como colheres ou em potinhos para serem degustados. Já o de enrolar possui uma textura mais dura, e é o mais tradicional que conhecemos.

Saber diferenciar um do outro ajuda a fazer exatamente o tipo de brigadeiro que determinado cliente quer. Isso mostra também que você tem habilidade suficiente para fazer doces dos mais variados,

Ponto do brigadeiro de colher

Para que a massa de um brigadeiro fique em ponto de colher, você precisa, primeiramente, esperar que ela ferva, até começar a borbulhar. As bolhas começarão bem devagar, e vão ficando cada vez mais intensas.

Em seguida, desligue o fogo assim que as borbulhas começarem a ficarem mais rápidas. Depois, é deixar esfriar e colocar em potes ou em colheres.

Ponto do brigadeiro de enrolar

Já para este ponto aqui você vai esperar até que a massa comece a borbulhar como descrito anteriormente. Espere até as bolhas voltarem a um ritmo mais lento, e é nessa hora que você vai desligar o fogo.

Fora isso, você vai perceber que a massa começará a desgrudar do fundo da panela, ficando mais pesada do que a colher. Este também é outro indicativo que mostra que ela está no ponto de enrolar.

Depois, é só fazer o procedimento padrão de colocar a massa em uma superfície untada com um pouco de manteiga, e esperar até que esfrie.

Esperamos que essas dicas aqui ajudem você a vender mais brigadeiros gourmet ainda, e, de agora por diante, sem cometer mais esses tipos de erros, combinado?

Curso de Brigadeiros Gourmet💗 Curso de Brigadeiros Gourmet

Siga-Nos